domingo, 21 de fevereiro de 2016

A bíblia ensina que Jesus é Deus?



A divindade (gr.theotetos) de Jesus não é aceita por todos os cristãos. As Testemunhas de Jeová, por exemplo, acreditam que Jesus é apenas um arcanjo (arcanjo Miguel):

"Antes de nascer como humano, o Filho de Deus pelo visto chamava-se Miguel. ... No livro de Daniel, Miguel é chamado de 'príncipe' do povo de Daniel, Israel."     (w10 15/9 pp. 21-25 - A Sentinela — 2010).

Ário ou Arius 256 d.C - 336 d.C

No decorrer da história do cristianismo surgiram muitos movimentos religiosos que negavam a divindade de Jesus, entre eles o Arianismo, liderado por Ário, que foi presbítero em Alexandria entre o final do século III e o início do século IV. Para Ário, acreditar na divindade de Jesus fazia com que o cristianismo se aproximasse do paganismo, visto que as religiões pagãs geralmente eram politeístas. Ário, assim como as Testemunhas de Jeová, acreditava que Jesus teve um início de existência (foi criado por Deus).

Mas será que a bíblia ensina que Jesus é Deus? 



Vejamos algumas passagens:

* Antes de nascer de Maria, Jesus vivia em forma de Deus (Filipenses 2:6)
* Jesus é Deus bendito (Romanos 9:5)
* Foi chamado de Deus por Tomé (João 20:28)
* Se dizia um só Deus com o Pai (João 10:30)
* Jesus era o Verbo, e o Verbo era Deus (João 1:1)
* Jesus é Deus e Salvador (Tito 2:13)
* Jesus é o verdadeiro Deus (1João 5:20)
* Jesus é Deus forte (Isaías 9:6)
* Jesus tem toda a plenitude da divindade (Colossenses 2:9)
* Jesus Deus e Salvador (2Pedro 1:1)
* Jesus Deus único Soberano (Judas 4)
* Jesus foi chamado de Deus pelo próprio Deus Pai (Hebreus 1:8)
* Deus Cristo (Colossenses 2:2)

Jesus não foi criado por Deus... Jesus sempre existiu como Deus



Preste atenção nos três versículos iniciais do Evangelho de João:

No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.
Ele estava no princípio com Deus.
Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez.
João 1:1-3
Vamos frisar o versículo 3: "Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez"

A bíblia é bem clara aqui: Jesus participou de TODA a criação divina. Absolutamente NADA foi feito sem a participação de Jesus. No entanto, os críticos da divindade de Jesus dizem que Ele próprio foi criado por Deus. Como poderia ser isso? A bíblia não parece fazer exceções.

Ele é o Filho unigênito 

Nesse caso os críticos podem usar João 3:16:

"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna".João 3:16
Algumas pessoas alegam que o uso da expressão "Filho unigênito" indica que Jesus foi criado por Deus. Jesus seria o único filho GERADO. A palavra "unigênito" (gr.  monogenes) realmente tem esse significado, mas também pode ser traduzida como "Filho único da espécie", o que reforçaria o conceito da divindade de Jesus.

Ele é o primogênito

Outro versículo que também é muito utilizado por aqueles que não acreditam na divindade de Jesus é Colossenses 1: 15:

"O qual é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação"
Colossenses 1:15

A palavra "primogênito" geralmente diz respeito ao filho que nasceu primeiro. O uso dessa palavra em referência a Jesus poderia indicar que Ele foi criado por Deus e portanto teve um início de existência. No entanto, porém, não devemos ignorar que a palavra grega "prototokos" (primogênito) também pode ser traduzida como "primeiro gerador", representando alguém que tem autoridade sobre os outros.
Um exemplo interessante que posso citar é o rei Davi. Davi era o filho mais novo de Jessé, mas mesmo assim foi chamado por Deus de "prototokos - primogênito":

"Também o farei meu primogênito mais elevado do que os reis da terra."Salmos 89:27


Note que o uso da palavra "primogênito" em relação a Davi  está relacionado com a posição superior que o mesmo alcançaria como rei. No caso de Jesus a palavra pode estar indicando algo semelhante: sua primazia em todas as coisas (Colossenses 1:18).

Ele é o princípio da criação

O terceiro versículo muito utilizado contra a divindade de Jesus é Apocalipse 3:14:

"E ao anjo da igreja de Laodicéia escreve: Isto diz o Amém, a testemunha fiel e verdadeira, o princípio da criação de Deus"
Apocalipse 3:14
O versículo em questão está se referindo a Jesus e o chama de "o princípio da criação de Deus". Ora! Se Ele foi o princípio da criação de Deus, então está incluído entre as coisas criadas, sendo Ele mesmo a primeira coisa que foi criada por Deus.  Mas, como já vimos, João 1:3 afirma que NADA foi criado sem o auxilio Dele. Jesus literalmente estava presente durante TODOS os atos criativos de Deus, sem exceções, e participou ativamente de todos eles.

 Veja que o próprio Deus também se identifica como o PRINCÍPIO:

"Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, o primeiro e o derradeiro."Apocalipse 22:13
Portanto o termo "o princípio" deve significar algo mais que não seja a primeira coisa criada. O "princípio" (gr. arché) significa também PODER, MAGISTRADO OU GOVERNADOR (Expository Dictionary of New Testament Words).


Jesus se fazia igual a Deus?



O evangelista João fez um comentário muito interessante a respeito de Jesus. Ele disse que Jesus "se fazia IGUAL a Deus:

"Por isso, pois, os judeus ainda mais procuravam matá-lo, porque não só quebrantava o sábado, mas também dizia que Deus era seu próprio Pai, fazendo-se igual a Deus".João 5:18  
A palavra grega traduzida por "igual" foi "ἴσον - ison", o que significa que Jesus estava dizendo que tinha a "mesma substância" de Deus, ou seja, Ele estava acima dos anjos, homens e de qualquer criatura de Deus... Ele era legitimamente Deus. Por isso os judeus procuravam matá-lo, pois identificavam isso como uma blasfêmia.

E não foi só essa vez que Jesus foi acusado de blasfêmia. Em outra feita, ao discursar diante dos judeus, Jesus se identificou como o "EU SOU":

 "Eu lhes afirmo que antes de Abraão nascer, Eu Sou!" (João 8:58)
"EU SOU" (gr. EGO EIMI) foi o termo utilizado por Deus no Antigo Testamento para se apresentar a Moisés:

"E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: EU SOU me enviou a vós."Êxodo 3:14 


Certamente Jesus sabia o impacto que o uso desse termo teria sobre os judeus, mas mesmo assim o utilizou.

Ele se comportava como Deus

Jesus realmente não se comportava como um anjo ou arcanjo. Ao contrário dos anjos, que recusam qualquer tipo de adoração dirigida a eles, Jesus aceitava adoração dos humanos (Mateus 2:2 / 8:2/ 14:33/ 15:25), dos anjos (Hebreus 1:6 / Apocalipse 5:12 - 14), e além disso ainda exigia para si a mesma honra que é dada ao Deus Pai (João 5:23).

A Jesus são atribuídos poderes exclusivos de Deus, tais como:

- Onipotência (Mateus 28:18 / Filipenses 3:21)
- Onipresença (Mateus 18: 20/ 28:20)
- Onisciência (Colossenses 2:3).

Ele se identifica como o PRIMEIRO E O ÚLTIMO (mesma coisa que Alfa e Omega) (Apocalipse 1:17 - 18) e também como o TODO-PODEROSO (Apocalipse 1:7 - 8):

"Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso."
Apocalipse 1:8
"E eu, quando o vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: Não temas; Eu sou o primeiro e o último;E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno."Apocalipse 1:17,18

Concluo que a bíblia realmente ensina sobre a divindade de Jesus. Jesus é a própria Palavra (Verbo) de Deus encarnado. E você, o que acha?

"Eu e o Pai somos um."
João 10:30


11 comentários:

  1. Thiago, vc é doente. Malícia pura. A bíblia condena a prática do homossexualismo e vcs nunca vão mudar isso. Não adianta tentar distorcer. Melhor é se arrepender de seus pecados e tentar viver uma vida digna de salvação... TOMA VERGONHA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia irmão. Li a matéria e seu comentário. Sinceramente não entendi o que você quis dizer quando disse que foi citado o homossexualismo... Poderia me mostrar isso? Não estou defendendo nem A e nem B ou estou indo contra a A ou contra B, mas gostaria de entender onde está essa insinuação. Muita paz e muita luz, irmão. Fica com Jesus.

      Eliminar
  2. Eu creii na Trindade, que Jesus é o Filho de Seus!

    ResponderEliminar
  3. Qual é primeiro tópico do blog,eu estou tentando ler desde o início?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Taty! É esse daqui: http://neoateismodelirante.blogspot.com.br/2013/09/ola-esse-blog-foi-criado-para-que.html

      Eliminar
    2. Neo-ateísmo. Bom dia. Acabo de conhecer seu Blog e estou gostando muito. Gostaria de saber sua opinião sobre os Alienígenas. Seriam demônios, anos caídos, ou somente seres em outras galaxias e em outras dimensões (lembrando que existem os intraterrenos também). Aguardo resposta. Abraços fraternos.

      Eliminar
    3. Bom dia Elvira! Desculpe-me pela demora em responder. Eu penso que o universo é muito grande para que exista vida somente aqui em nosso planeta. Acredito na possibilidade da existência de vida em outros planetas sim... inclusive vida inteligente. Existem alguns artefatos antigos, assim como pinturas rupestres que mostram coisas parecidas com máquinas voadoras, trajes espaciais e coisas do tipo. Há uma possibilidade de que nosso planeta tenha sido visitado no passado. Abraços!

      Eliminar
  4. Creio na divindade do Messias e creio que ele é filho do Altíssimo. Mas acho que ele também se submete a vontade do Pai.
    Mas temos na bíblia várias observâncias de sua hierarquia a um degrau abaixo de Deus.
    Na expressão "eu e o Pai somos um", ele expressa um conceito de unanimidade, em pensamento coletivo. Pois, o Messias exortou seus seguidores a serem "um" como ele e o Pai são, mas isso não significa que eles deveriam ser deuses.
    É certo afirmar que o Messias esteve na criação? Sim. E Deus nos criou para a glória de Cristo, pois somos a primasia da criação de Deus, para a honra de seu filho.
    Mas não querendo desapontar, nem fazer polêmica, mas o Messias não era onisciente. Por que quando questionado sobre o fim ele disse:"...o dia e a hora só pertencem ao Pai."
    Nem ele sabia quando essas coisas iriam acontecer. A divindade é mui evidente, mas porém, mesmo que os relatos o identifiquem como Deus, o Messias sempre se colocou na posição de filho. Sendo ele nosso líder mas sob a tutela de alguém superior.

    ResponderEliminar
  5. "A bíblia ensina que Jesus é Deus?"

    Não.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia. Leia essa passagem Bíblica: ""Aquele que é a Palavra estava no mundo, e o mundo foi feito por intermédio dele, mas o mundo não o reconheceu.
      Veio para o que era seu, mas os seus não o receberam.
      Contudo, aos que o receberam, aos que creram em seu nome, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus, os quais não nasceram por descendência natural, nem pela vontade da carne nem pela vontade de algum homem, mas nasceram de Deus.
      Aquele que é a Palavra tornou-se carne e viveu entre nós. Vimos a sua glória, glória como do Unigênito vindo do Pai, cheio de graça e de verdade." João 1:10-14

      Eliminar